An Open Letter To All IBJJF Referees. Please Read And Share.

(Photo from IBJJF.com)

 

Dear Referees of the IBJJF:

 

RE: The robbery of Shane Hill-Taylor

 

It’s a shame that judges are biased. Do not consider his actions this weekend at the IBJJF world championships as loyal or patriotic.

 

The Art of Jiu-Jitsu was brought to Brazil by Japanese immigrant then brought to the USA for a Brazilian immigrant as a wonderful gift. It’s not any culture.

 

Like many competitors Brazilians, young Americans as Shane Hill-Taylor live to jiu-Jitsu and it’s his life. He made many sacrifices to become one of the best at a young age. He doesn’t come from a wealthy family and lived a life of struggle.

 

Americans deserve to be treated fairly and competitors of smaller teams deserve the same chance that any other competitor.

 

I believe the action of the judges during his match, as well as many other struggles were a not judged fairly.

 

As a judge, you have a responsibility not only to follow the rules, but also to maintain the integrity and dignity of Jiu-Jitsu.

 

Please! To legitimize our sport.

 

You must be brave, you must not be afraid of judging a game equal for both fighters, regardless of your team or your friendships with other competitors.

 

If you can’t do that, then you shouldn’t judge, be honest with yourself.

 

Please, for the sake of Jiu-Jitsu we all love so dearly please fix this.

 

All referees are black belts and get lots of training on the rules. To say that it is a mistake is not acceptable. It is wrong and has to stop.

 

THANK YOU

 

PS: I am not Brazilian or speak Portuguese but I used my translator to write this directly to those who need to see it. PLEASE SHARE UNTIL EVERY IBJJF REFEREE SEES THIS.

 

PSS: To the one side referee who called this match correctly. THANK YOU. It has to start somewhere.

 

PLEASE SHARE. I’m not a social media guy and I have limited reach. Cut and paste it as your own I don’t care.

 

TRANSLATION: PORTUGUESE

 

É uma pena que os juízes são tendenciosos. Não consideram suas ações neste fim de semana no Campeonato Mundial da IBJJF como leal ou patriótico.
A arte do jiu-jitsu foi trazida ao Brasil pelo imigrante japonês e depois trazida para os EUA por um imigrante brasileira como um presente maravilhoso. Não é qualquer uma cultura.
Tal como muitos concorrentes brasileiros, jovens americanos como Shane Hill-Taylor vivem para jiu-jitsu e é a vida dele. Ele fez muitos sacrifícios para se tornar um dos melhores em uma idade jovem. Ele não vem de uma família rica e viveu uma vida de luta.
Os americanos merecem ser tratados de forma justa e concorrentes de equipes menores merecem a mesma chance que qualquer outro concorrente.
Eu acredito que a ação dos juízes durante sua luta, bem como muitas outras lutas foram um não julgada razoavelmente.
Como um juiz, você tem uma responsabilidade não apenas cumprir as regras, mas também para manter a integridade e a dignidade do Jiu-jitsu.
Favor! Para legitimar o nosso esporte.
Você deve ser corajoso, você não deve ter medo de julgar um jogo igual para ambos os lutadores, independentemente de sua equipe ou suas amizades com outros concorrentes.
Se você não pode fazer isso, então não se deve julgar, ser honesto com você mesmo.
Por favor, por uma questão de Jiu-Jitsu que todos nós amamos tão caro por favor corrigir isso
Todos os árbitros são faixas-pretas e recebem lotes do treinamento sobre as regras. Para dizer que é um erro não é aceitável. É errado e tem que parar.
Obrigado

– Donald Achnick, BJJ Black Belt

 


(Donald Achnick)